15 de dezembro de 2009

Crush it


Pois é, alguns já não me podem ouvir falar do Gary Vaynerchuk. Bom, mau para eles, pois o homem é um furacão e soube entender a internet e o social media marketing como muito poucos. No mundo do vinho, é o único que conheço que conseguiu rentabilizar a sua paixão, em menos de 3 anos, nuns assombrosos 60 milhões de dólares. Não é para qualquer um e nada do que o homem poderia ter antes justifica tal ascensão.
Constato que no panorama nacional, continuam a aparecer novos projectos com cariz autista que não só não salvaguardam como também não promovem a interactividade que, é tão só, o elemento agregador de comunidades virtuais e que, em conjunto, são a chave do sucesso de qualquer projecto na rede.
No seu livro “Crush it”, Gary, expões as suas ideias sobre como tornar uma paixão num negócio rentável. A leitura é tão agradável que, não só nos motiva a tentar, como também nos faz acreditar que se fizermos muita, muita força…conseguimos!
É quanto a mim, uma leitura obrigatória para quem pretende iniciar-se nestes meios e fazer “coisas giras”.

2 comentários:

ricardo disse...

Também tenho acompanhado o trabalho do Gary, será que podemos comparar estas duas realidades?
Portugal e os E.U.A.?
A enormidade do mercado americano,..

Acredito e conheço em Portugal excelentes exemplos de empreendedores, mas a diferença está nas mentalidades que os rodeiam.

De qualquer forma é um livro bastante motivador para quem possa querer arrancar com um negocio proprio.

Hugo Mendes disse...

Ricardo,
Concordo com o que diz, e, se a minha opinião vale de alguma coisa, a resposta é não. Portugal não se compara como os estados unidos. Basta perceber que lá 0, 1 % do mercado é capaz de dar para enriquecer e cá não dá sequer para o sustento!
No entanto, não gosto de fazer transposições directas. Gosto de perceber o que se faz e como se aborda e, tentar fazer a leitura e devidas adaptações para a nossa realidade.
No gary, penso que mais do que tudo, o que o fez vencer foi a atitude e a sua capacidade de leitura da realidade. Se puder aprender isso com ele já fico satisfeito!; )