27 de outubro de 2011

Grande Reserva

Um livro obrigatório na biblioteca de qualquer enófilo, principalmente os Portugueses. É património impresso.
Subscrevo as palavras impressas na "orelha" do livro:

“(…) é um livro de histórias e história, um apanhado de pequenos tesouros do vinho português (…)”

É isso mesmo!
O seu autor, João Barbosa, já me animava alguns fins de dias com a sua escrita simples, escorreita, clara e muito humorada num dos seus blogues.
O João abriu um filão que de tão grande obrigará ao trabalho de recolecção e composição de pelo menos mais uns 5 livros como este.

Fica a pergunta enófila:

Uma vez que não quiseste começar com uma reserva, como vais chamar ao próximo. Milésimé?

Espero que num futuro muito próximo possamos saber a resposta.

Comprem, leiam, visitem os locais citados e procurem grande parte das personagens deste livro. São vivos e "andem aí"!

2 comentários:

João Barbosa disse...

:-)

obrigado

abraço

João Barbosa disse...

o próximo poderá ser um Garrafeira dos Sócios