23 de junho de 2014

Vale da Capucha 2010


Mais um produtor se aliou à master class de dia 28. Dando a palavra ao produtor, pode ler-se:


"Vale da Capucha é uma pequena vinha reconvertida pela minha família nos finais da década passada. Nascidos na lógica da enorme produtividade destinada ao mercado do vinho “a barril” da grande Lisboa, decidimos outro caminho e renascer para a viticultura. Em vez do tinto, virámo-nos para o branco, o que confundiu um poucos os nossos pares da denominação de origem, habituadíssimos a trabalhar tintos. Nos nossos 13 ha plantámos as castas brancas portuguesas que melhor pudessem exprimir o local (9 km do mar, argilo-calcario fossilizado) e iniciamos a produção dos vinhos, sob os princípios da viticultura biológica, para garantir a máxima expressão da vinha e a sustentabilidade do solo e sua biodiversidade.

O vinho que vos proponho é um dos poucos Alvarinhos fora da tradicional zona granítica, de Monção/Melgaço/Rías Baixas, da colheita de 2010, a nossa segunda, vinificado sem mostos rapados, sem leveduras adicionadas, a 18º, sem “fermaid”, sem nada (a não ser o “ainda” necessário anidrido sulfuroso…). Repousou em borra fina e foi engarrafado mais tarde, na primavera de 2012, já relativamente estável e límpido. Não sei se é às cegas a nossa master-class, portanto reservo-me nas notas de prova!

Até sábado.

Pedro Marques"

Relembro que as vagas para a master class se encontram esgotadas, ainda existem algumas para o programa a partir do almoço... mas poucas!

Sem comentários: