21 de julho de 2014

O Vinho, o Crespo, a Sónia e eu.

Acedi a um convite do meu bom amigo Crespo. A tarefa não era complicada. Ir à Rádio Pernes para falar de vinho, com vinho, no programa, A "Sónia Convida". 
Amendoins!

Tenho a afirmar que foi uma experiência fantástica e que só não a repito se não me deixarem! Agora fiquei viciado e quero mais!

Um muito obrigado à Sónia Lobato, mentora da ideia e claro, ao Crespo por se ter lembrado de me incluir! Parece pouco, mas, é preciso  uma enorme generosidade para dividir um espaço, que à partida pode ser usado de forma auto promocional (não digo que o seja, apenas pode!) com alguém que, em igualdade de circunstâncias, pode competir pelas mesmas oportunidades. Só as pessoas grandes são capazes de dividir assim! 
Ès grande [Crespo] pá!

Espero que gostem e que lá no fundo, esta nossa conversa possa ter alguma utilidade!
Seja como for, não deixem de comentar!


(clicar sobre a imagem para ouvir)



4 comentários:

Paulo Sousa disse...

Muito bem.
Quem fala assim não é gago. Parabéns.
Conhece o Chocapalha Chardonnay, vinho de Lisboa?
Aconselho.

Hugo Mendes disse...

Muito obrigado!
Conheço sim. Não sou grande fã de vinhos portugueses feitos a partir de castas estrangeiras. Penso que de uma forma geral não adicionam grande coisa.
mas acho esse vinho bom, bem feito e muito agradável, sim!

Paulo Sousa disse...

Olá.
Também concordo consigo, no entanto cá em Portugal, parece moda...
Um abraço.

Hugo Mendes disse...

Pois é! Esquecemo-nos muitas vezes que não somos como a Argentina ou o Chile e temos as nossas próprias castas!
Mas, aos poucos, vamos mudando isso! :)