17 de maio de 2017

As renovadas "revistas de vinhos"



Vinhos - Grandes escolhas, eis o nome da "nova" publicação Portuguesa dedicada ao vinho que vem fecha o ciclo de mudanças neste departamento do sector. Meto nova entre aspas porque não só é feita pela esmagadora maioria da equipa que comandava a Revista de Vinhos até Março do corrente como também, depois da leitura do seu primeiro numero constato, como seria de esperar, que a matriz continua a mesma, sem grandes alterações. Como se tivesse havido um refrescar da revista antiga. Nada contra, muito pelo contrário. Funcionava, vendia e eram lideres, para quê mexer!?!?

Precisamente o que não foi entendido pela equipa da Essência do Vinho que fechou a Wine e assumiu o titulo Revista de Vinhos. Ao que aparenta, decidiram transformar a revista nº 1 na extinta nº 2 mantendo o nome da primeira. Não estou bem a ver que tipo de liderança esperam obter, mas espero para ver o desenrolar dos próximos meses. Para mais, cometeram erros graves (na minha avaliação) logo no primeiro numero. Não começa bem.

Para já, naquilo que é a minha opinião pessoal, a equipa da nova revista leva a melhor e é a que me consegue transmitir alguma segurança no trabalho que desenvolve. Mesmo quando não concordo com muito do que ali se escreve ou escolhe, demonstram conhecer muito bem o seu caminho, transmitem segurança e coerência. Não levarão muito tempo, julgo,  a assumir o seu papel de líderes. 

Resumindo, esta troca mostrou tantas fragilidades nesta fileira da divulgação que me fez lembrar a recomendação que o meu avô me deu tantas vezes: "Não te baixes muito que mostras o cu!". Pois é, viram-se para ai muitos cus por estes dias. Confesso que fiquei apreensivo com muito do que li nas redes e do que perpassou dessas conversas. 
Espero que tudo isto tenha servido para que se operem melhorias. Desejo que assim seja. Detesto pensar que o nosso trabalho está a ser entregue a "putos" imberbes para ser avaliado e divulgado. 

Pelo sim pelo não... vou ficar de olho!

Sem comentários: